quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Colho dores

Passeio no jardim, distraída.
Pensamento distante. Fui traída.
Baixo o olhar. Uma rosa. Arrepio.
Uma rosa vermelha. Sorrio.

Plantei roseiras p´ra colher rosas
De todas as cores, e cheirosas.
Esqueci espinhos protetores
E beija-flores, os benfeitores.

Toco a rosa. Espanto o beija-flor.
Puxo a mão. No dedo, aguda dor;
Na flor, latente gota de sangue;
Na pétala, colorido exangue.

Plantei roseiras. Não colho cores,
Nem graça, nem olores, mas dores.
Absorta, ferida, para mim
Volto. Atinjo meu próprio confim.


Mardilê Friedrich Fabre

19 comentários:

M@ria disse...

Plantei roseiras p´ra colher rosas
De todas as cores, e cheirosas.
Esqueci espinhos protetores
E beija-flores, os benfeitores.

Mardilê Friedrich Fabre

Beijos & Flores......M@ria

Beatriz Prestes disse...

Versos e imagem fazendo o pensamento voar e se encantar!
Beijo carinhoso amiga querida
Bea

Machado de Carlos disse...

As flores são encatadoras, principalmente quando estão nos pés.

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindo e encantador o poema, parabéns e tudo de bom pra você, beijos.

Marilu disse...

Querida amiga, lindos versos. Beijocas

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lindo, um tanto triste, mas lindo!

"Planto
com emoção
este verso em teu coração."
Germinal
Mario Quintana

Um beijo querida!
Tenha um Lindo Dia!
Renata

Aleatoriamente disse...

Bom dia amor.
Obrigada pelo brilho de sol que sempre deixas no meu cantinho.
E por essa sensibilidade bonita que carregas como sementes de lar em lar.

Beijo M@ria querida.
Fernanda.

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para deixar um beijinho e dizer que há selinho no meu blogue, que gostaria de oferecer.

beijinhos com carinho
Sonhadora

reltih disse...

QUÉ SENSIBILIDAD!!!!!! BELLO, HERMOSO ESCRITO.
BESOS

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Maria! Eis que nos brindas com mais uma linda escolha. belo poema, com ênfase para a estrofe abaixo:

Beijos,

Furtado.

Everson Russo disse...

Um beijos super carinhoso pra desejar um dia lindo de poesia e paz...

EL AVE PEREGRINA disse...

Beleza garda a rosa,calquer color da igual, a súa aroma pura,ten ese efluvio... especial...

Fermosa entrada.

Unha aperta.

Amapola disse...

Sem internet, e ansiosa para visitar todos, passo aqui para agradecer o seu carinho. Estou com saudades.
Esse poema é maravilhoso!!

Muito obrigada, querida amiga Maria.

Graça Pereira disse...

"Colho dores"... e se as dores se transformarem em flores?
'As vezes, acontecem milagres!
Beijos
Graça

MYS disse...

Olá,

a esperança é a última q morre...
e milagres acontecem...
quero colher flores!!!

abç de luz
MYS

Marion Lemos disse...

Boa noite querida Maria,
lindo poema!
"Estou podando meu jardim
Estou cuidando bem de mim.."
Vander Lee
Muito obrigada pelo carinho da visita em meu blog, adorei!

Beijos.

Marion

Maria disse...

Amiga que poema maravilhoso, excelente escolha.
Tenha um fim-de-semana muito feliz
“Não existe um caminho para a felicidade. A felicidade é o caminho.” (Mahatma Gandhi )
Beijinhos
Maria

Amor feito Poesia disse...

Abre este livro... E encontrarás então
teu coração, de amor, rindo e cantando,
cantando e rindo com o meu coração...

J.G. de Araújo Jorge

Beijos & Flores........M@ria

Anjo Sedutor disse...

Anjo meu!
Andei sumido, mas eu explico!
Aqui no céu, nesta época de Festas, tem muito serviço e muitos pedidos. Estou ficando literalmente maluquinho.
Peço que me perdoes pela ausência de visitas e de postagens nas minhas nuvens. Mas já atualizei todas elas para ti.
Não me abandones. O que será deste anjo aqui sem ti? Existo para ti e por ti. Peço-te que me compreendas. Não deixe de visitar o meu céu e as minhas quatro nuvens.
Se tu não vieres, abandonarei minhas nuvens... Perdoa-me!
Que o teu Natal seja repleto de paz e de alegrias e que 2011 seja inesquecivelmente maravilhoso!
teu Anjo Sedutor