sexta-feira, 1 de outubro de 2010

NOUTRO LUGAR

Abre a janela do coração
e deixa que a madrugada
o tome por inteiro.
Não tenhas medo.
Não faças nada,
senão isso primeiro.


Depois debruça-te e espera.
Hás-de ouvir a voz do mar,
vinda no vento, como era
outrora, noutro lugar.


Verás então que nada está perdido
e a vida recupera o seu sentido.


Torquato da luz

28 comentários:

M@ria disse...

Sua alma poética se mesclou à minha...
transborda o teu excesso
e joga pelas pupilas o teu contentamento!
Meu olhar beira as estrelas
quando te vê chegar...

Denise Flor

Bom dia com amor e poesia!!M@ria

Argos disse...

Olá!

Depois de ler este poema, de certeza que vou ter um bom dia!

Abraço grande

Isa disse...

Poema de hino à Vida!
Beijo.
isa.

EL AVE PEREGRINA disse...

Belo poema onde a xanela do corazón está disposta para recibir e dar sentimento e tenrura...o son do vento...

Unha aperta e feliz fin de semana.

MAJECARMU disse...

Hoy he abierto la ventana del ordenador y me encuentro contigo y tu bello poema,amiga.Es un placer encontrarte de nuevo con tu misma ilusión y vocación por las letras.
Te felicito por la elección del bello poema.Te dejo mi abrazo inmenso.
M.Jesús

elisa...lichazul disse...

otro saludo de paz
gracias por el saludo en mi ventana

ten un precioso fin de semana

Machado de Carlos disse...

Quantos e quantos segredos devem existir do lado de dentro desta janela, mesmo aberta. Feliz é ter a coragem necessária para abrir a janela para o mundo inteiro.
Chegar à janela e soltar a voz para o infinito!

Amor feito Poesia disse...

Tu já tinhas um nome, e eu não sei
se eras fonte ou brisa ou mar ou flor.
Nos meus versos chamar-te-ei Amor.

Eugénio de Andrade


BOM FDS.......BEIJOS!! M@ria

José Maria Lobato disse...

Olá, minha primeira visita aqui no seu espaço e já virei fã!!! Parabéns pelo Blogue, virei mais vezes para um olhar mais atento, com certeza!!!
Abraço Lusitano, Zé Maria

Anjo Sedutor disse...

Anjo meu!!!
Te visitar me dá muito prazer e alegria.
Agradeço a tua companhia no meu céu! Volte logo!
Minhas quatro nuvens te aguardam ansiosamente!!!
Deixo um carinho pra ti:

"Pensamos demasiadamente
sentimos pouco
necessitamos mais de humildade
Que de máquinas.
Mais de bondade e ternura
Que de inteligência.
Sem isso,
A vida se tornará violenta e
Tudo se perderá."

CHARLES CHAPLIN

Vozes de Minha Alma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Vozes de Minha Alma disse...

AMIGA MARIA, ATÉ AGORA, E ATÉ AQUI, SÓ TENHO É QUE AGRADECER A TUA NOBRE PESSOA PELA ATENÇÃO DISPENSADA A MIM REPRESENTADA PELO BLOG VOZES DE MINHA ALMA.
QUERO INCLUSIVE TE PARABENIZAR PELA ALEGRIA QUE TU DEMONSTRA, PELA BELEZA DE TEUS BLOGS, E PELAS PALAVRAS SEMPRE ILUMINADAS VINDO DE TUA ALMA.
UM ABRAÇO AFETUOSO DESTE QUE ADMIRA A ESCRITORA E DIVULGADORA DA CULTURA.
ABRAÇOS. BJS.

Taty Cascada disse...

Maria, gracias por el saludo, el poema elegido es precioso.
Un beso.

Sonhadora disse...

Minha querida
deixo um beijinhos e o meu carinho.

Sonhadora

VEREDAS, por Marluce disse...

Um chamado para à vida, um grito de alerta para a sensibilidade dormida nos braços preguiçosos dos desabercebidos da vida!

LINDO!

Um abraço!

Aqui - Ali - Acolá disse...

Abre a janela do coração
e deixa que a madrugada
o tome por inteiro.
--------------------------------

Na madrugada de um dia
Nasce um tempo de emoção
Nasce a vida de um sentir
Que é batidas do coração

Se ao vento se deitam flores
Correndo por um caminho
Elas a ti se dirigem
Com muito afago e carinho.

A escolha sempre divinal.

Bjos com Um Domingo cheio de alegria.

Mgomes - Santa Cruz disse...

Maria Lindo poema, parabens pela escolha e parabéns a autora.
Beijos
Santa Cruz

Beatriz Prestes disse...

Que poema, e que ilustração!!
Tudo simplesmente lindo!!
Beijo amiga querida
Bea

orvalho do ceu disse...

CONVITE VIP
Olá, querida Maria
Passa amanhã em meu Blog... no dia 01/10, sexta feira próxima passada... estive
oferecendo um coquetel de 7 botões de rosa orvalhada...
Não teremos dia nem hora para acabar a festividade...
Não falte à festa, vai me fazer MUITO feliz e desejo fazer-lhe também.
Abraços fraternais

http://espiritual-idade.blogspot.com/

Angel disse...

Lindo de morrer!

um anjo

Sheila disse...

Olá Maria venho te visitar pela primeira vez,estou começando neste mundo tão rico de palavras e pensamentos é muito importante para quem escreve ,ler,e enriquecer ,o mundo interior. Parabéns.

Pizarro disse...

Tienes un regalo.

Ana Gaúcha _Professora disse...

QUE JANELA PITORESCA
ROMÂNTICA
LINDAAAAAAAAAAAAA

amooooooooooooo
vc MARIA

Mistral disse...

Un sabio y bello poema.

Un placer leerte,
saludos

Graça Pereira disse...

Lírico, poético e um impulso á vida!
Ás vezes, esquecemo-nos de abrir as janelas do coração..e tanta coisa bonita que perdemos...
A imagem lindissima coaduna-se com este poema delicioso.
Beijo
Graça

Nilson Barcelli disse...


Através de nós sopra o vento,
quente e seco, mas enquanto lá fora
chover no nosso olhar, a Primavera
persiste no Verão que nos conquista.
Não dormimos e não há bebés a chorar,
há a mudança, a chegar serenamente,
trazendo com ela a intimidade buliçosa
da partilha inadiável dos suores da travessia.


Querida amiga, bom fim de semana.
Beijos.

Vozes de Minha Alma disse...

Amiga M@ria, bom dia

Elementos

Ele viaja ao sabor dos ventos
Não perde jamais sua vocação
Na direção dos movimentos
Materializa os sonhos e emoção

Enquanto dura uma estação
Enquanto a vida transcorre
Enquanto anseia a inspiração
Criando tudo Ele percorre.

E mais: É ele que concede a vida
Cada vez que manifesta os sentidos;
Prazer de amar, e da manifestação.

Na terra, no fogo, na água, e no ar.
Misturas das essências divinas,
Do amor, transbordando de paixão!

Bjs, um abraço

Fazendo Diferente disse...

Amei seu blog. Encantador.Amo a poesia como amo a vida.
Poesia é Deus!
Deus é Poesia
Amo a Deus!
Amo também a poesia.
Deus e a poesia faz
A vida mais bela!